“Se amas o teu trabalho não trabalharás nem um dia da tua vida.”

Para nós, voluntários da Casa da Juventude de Amarante, é exatamente assim! Com esta primeira reportagem, estamos felizes de mostrar-vos o trabalho realizado nestes primeiros meses de nosso projeto SVE 2017, 100% financiado pelo Erasmus + Juventude em Ação. Queremos partilhar quanto empenho e fantasia pomos no nosso trabalho!

E de imaginação é precisa muita, especialmente com as crianças. Para la escola de Cepelos, por exemplo, cada semana, nestes meses, organizámos  uma série de actividades lúdicas. O objectivo é aprender e divertir-se.

cepelos

sao goncalo2

 

Com o mesmo espírito fazemos lições interativas de geografia na escola de São Gonçalo e ajudamos as professoras da escola da Madalena a “entreter” os pequenos com a leitura, o desenho e o canto.

madalena2

madalena1

sao goncalo

madalena3

 

Mas o prazer maior vem do orfanato Terra dos Homens, onde trabalhamos com as crianças de todas as idades. Levou algum tempo para criar um vínculo com eles, muita doçura e paciência, mas agora fazemos parte da família.

terra2

terra1

terra3

 

Na CERCIMARANTE a Marta e a Timea deram luz a um projeto que tem muito sucesso: voz e guitarra e muita vontade de cantar todos juntos. Enquanto a nossa bailarina Gosia tem as aulas de dança.

cerci4

cerci

cerci3

cerci2

 

O empenho maior é para os idosos de Santa Casa da Misericórdia de Amarante, eles só querem descansar, mas com os nossos dotes e persistência eles lá brincam connosco e falam da sua juventude. E vejam só, até nos ensinam português!

santa casa

santa casa2

santa casa3

 

E o nosso trabalho não acaba aqui porque tratamos também do nosso jardim. A fadiga de cultivar a terra está a ser paga em ver crescer muitos produtos genuínos: aboborinhas, tomates, morangos, alfaces e ameixas.

garden

garden1

garden2

 

Todos os sábados temos a Feira Bio, Justa e Local. Como vendedores reais falamos com as pessoas em português e vendemos diversos produtos orgânicos.

bio fair

biofair2

 

Por último, graças ao professor Fernando Paiva, temos aprendido tudo sobre o vinho. Sob a sua supervisão fazemos vários trabalhos, como cortar os ramos mortos e limpar as garrafas de vinho.

paiva4

paiva

paiva2

 

No Verão participamos em muitos projetos de mobilidade europeus e internacionais com meninos e meninas de todo o mundo e da cidade de Amarante. Se quiserem descobri-los sigam a próxima reportagem…

paiva3

Pin It on Pinterest

Share This