De 21/05/2017 a 25/05/2017, tiveram lugar em Palermo uma série de reuniões e debates, com o objetivo de mostrar aos participantes como a integração dos imigrantes pode ser alcançada através do compromisso ativo de instituições públicas que trabalham a nível local, da sociedade civil organizada e de voluntários. Além disso, graças a estes encontros com alguns promotores comprometidos na luta contra o crime organizado, o evento deu uma série de insights sobre como o contrabando é um dos negócios do crime organizado. Nestas datas estiveram presentes 28 cidadãos, sendo 12 participantes de Palermo (IT), 1 de Bitola (MK), 1 de Pascani (RO), 1 de Tirana (AL), 1 de Salónica (GR), 1 de Amarante (PT), 2 de Dobrich (BG), 1 de Brtonigla-Verteneglio (HR), 1 de Barcelona (ES), 1 de Belgrado (RS), 1 de Torun (PL), 1 de Bruxelas (BE), 1 de Praga (CZ), 1 de Leipzig (DE), 1 de Zejtun (MT) e 1 de Valmiera (LV).
 
Podes ver o testemunho de um dos participantes aqui.

Pin It on Pinterest

Share This